Ricardo Santos cai 38 lugares, Chris Wood na frente

Depois de uma entrada de 65 pancadas (-7) para assumir uma liderança surpreendente do Masters do Catar e segurá-la com um sólido 70 (-2), Ricardo Santos não conseguiu manter o ritmo e caiu para o 38º lugar. O algarvio, de 30 anos, que vêm de um brilhante 4º lugar em Abu Dhabi, parecia viver tempos de sonho, mas ontem no Doha GC, a jogar ao lado do espanhol Sergio Garcia, não foi além de um 76 (+4) e afundou-se na classificação.

O Rookie do Ano do European Tour, campeão do Open da Madeira, até começou bem – fez birdies no 5 e no 6 -, mas um bogey (7) e um duplo (8) fizeram-no concluir os front nine em +1. Ricardo Santos ainda anulou essa desvantagem com novo birdie, agora no 10, mas uma sequência de bogey-par-bogey-duplo do 12 ao 15 acabaram por influir no seu score final. É que o birdie no 16 e o bogey no 17 em nada alteraram o agregado de -5, a dez pancadas do novo líder Chris Wood.

O inglês vai partir para o último dia com três shots de vantagem sobre o compatriota Simon Kahn, o sueco Alexander Noren e o neozelandês Michael Campbell, e depois de 19 top-10 pode finalmente conquistar o seu primeiro triunfo no principal circuito europeu./J.N.

Deixar um comentário