Carnoustie Golf Links: o campo mais difícil do mundo?

Chamam-lhe “o supremo teste de golfe”, e o mais provável é que o seja mesmo, pelo menos no seu segmento. Um dos nove campos que fazem parte da rotação do British Open, o Carnoustie Golf Links foi palco de algumas das mais emocionantes edições da competição, incluindo a vitória em 2007 de Pádraig Harrington (num playoff com Sergio Garcia) e, acima de qualquer outra, o triunfo em 1999 de Paul Lawrie sobre um Jean Van De Velde em derrocada emocional, naquele que muitos ainda classificam como o torneio de golfe mais inquietante alguma vez disputado. Os roughs são brutais, as landing zones apertadíssimas, os greens profundamente ondulados – e, ainda por cima, há o chamado Barry Burn, a regueira que faz a sua última e suprema aparição no 18, mas nem por isso deixa de namorar as bolas numa série de outros buracos. Joga-se golfe na região de Carnoustie, condado de Angus, na Escócia, desde o início do século XVI. E você pode ser o próximo a fazê-lo. Os greenfees para o Championship Course custam 140 libras (ou 160 euros) e, marcando com tempo, não são assim tão difíceis de arranjar quanto isso. Acha que consegue bater Van de Velde ao menos no 18? Olhe que basta um duplo-bogey…

CARNOUSTIE GOLF LINKS  CHAMPIONSHIP COURSE

SITUAÇÃO: Carnoustie, Angus (Escócia)

INAUGURAÇÃO: 1850

ARQUITECTOS: Allan Robertson, Old Tom Morris, James Braid

FICHA TÉCNICA: 18 buracos (par 72, 6347 metros)

MAIS INFORMAÇÕES: +44.1241.802.270;  golf@carnoustiegolflinks.co.uk ; www.carnoustiegolflinks.co.uk

Deixar um comentário