Solidariedade e bom golfe no Torneio dos Patos

Torneio dos Patos nos Salgados

Disputou-se hoje a sexta edição do Torneio dos Patos no percurso dos Salgados, com o recorde de participantes e um apoio muito especial destinado à Lígia Santos.

O torneio, organizado pelo núcleo de golfe da CGD e pelos Salgados começou há seis anos com um pequeno grupo de amigos, mas hoje registou a presença de 85 jogadores oriundos de 34 clubes do Norte, Centro e Algarve, num shot gun que começou com muito vento e terminou com calor.

No final do torneio realizou-se uma venda de rifas, cuja receita reverteu integralmente para Lígia Santos, a professora e golfista, antiga basquetebolista, obrigada a recorrer a tratamentos na Alemanha a um tumor raro, tratamentos que não são subsidiados. Nos Salgados conseguiram-se hoje 1.320 euros para esta causa solidária.

Este Torneio dos Patos tem uma característica única: metade dos jogadores (os que terminam com pior resultado) paga o almoço dos outros 50 por cento que jogaram melhor. O almoço é sempre arroz de pato e os prémios são sempre patos, em porcelana ou outro material.

O vencedor absoluto foi José Rodrigues (Vilamoura), com 31 pontos gross, seguido de Miguel Valença (Oporto) com 27.

Em Net ganhou Carlos Manuel Monteiro (Oporto) com 41 pontos, seguido de Pedro Amaro (Vale de Choupos, Beja) também com 41, José Ramos Paulino (Vilamoura), António Mestre (VC Golfe) e Matos Cristina (Lisbon), todos com 37. A primeira senhora foi Elsa Farto com 35 seguida de Laura Moita com 33.

Os prémios especiais foram para José Paulino, José Rodrigues e Laura Moita.

O almoço de distribuição dos prémios abriu com moelas de pato, seguindo-se dois pratos: arroz de pato no forno e magret de pato grelhado com azeite de rosmaninho, sendo este último o eleito como o melhor.

Deixar um comentário