Ricardo treme na Escócia

Mau back-nine faz atrasar o português na “casa do golfe”

Ricardo Santos começou de modo auspicioso a sua participação no Alfred Dunhill Links Golf Championship, um dos mais importantes torneios da época regular do European Tour, mas acabou por concluir a primeira ronda com 73 pancadas (+1), a quatro do cut provisório e na 127ª posição. A jogar o Saint-Andrews Golf Course, a “casa do golfe” (e um dos três campos por que a prova se divide), o algarvio concluiu os primeiros nove buracos com -2, mas no back-nine acabou por fazer +3, incluindo um triplo-bogey. Ricardo joga hoje o Carnoustie Golf Links, várias vezes reconhecido como o campo mais difícil do mundo, e precisa de um bom resultado para poder atacar o Kingsbarns Golf Links, amanhã, em condições de chegar à ronda de domingo (novamenre em Saint-Andrews), precedida de cut. Lidera, para já, um quinteto de jogadores europeus, todos com -8. Entre eles encontra-se o jovem inglês Tom Lewis, antigo campeão do Portugal Masters. Estão em jogo cinco milhões de dólares.

Deixar um comentário