PORTUGAL MASTERS: portugueses ganharam Pro-Am

Uma equipa com amadores portugueses e um profissional sueco ganhou ontem o Pro-Am do Portugal Masters

 A equipa liderada pelo sueco Alex Noren com os amadores Carlos Tinoco (golfe do Montebelo), Manuel Quinta (golfe/ACP) e Bruno Melo (CG Médico), venceu ontem o Pro-Am que abriu  o Portugal Masters.

Esta formação, a única com jogadores portugueses premiada no torneio, concluiu a volta com 54 pancadas “net”, 17 abaixo do par.

“Foi um dia excelente de golfe e um resultado repartido pelos quatro. Foi uma formação extraordinária, com um grande profissional, que ajudou nas dicas, e fomos três bons amadores. Foi um dia inesquecível para todos nós”, disse Carlos Tinoco, presidente do CG de Viseu, a O Jogo.

No segundo lugar ficou o italiano Francesco Molinari, com três amadores franceses, com 55 pancadas, seguidos pelo inglês Ross Fisher com três amadores britânicos da equipa Oceânico, com 57.

O Pro-Am decorreu com tempo quente e reuniu 164 jogadores em 41 equipas. Entre os amadores destacou-se o antigo futebolista Luís Figo, que terminou em 29º lugar com Paul Lawrie.

A equipa DN/O Jogo/TSF, liderada pelo francês Julien Quesne ficou em 15º lugar com 59 pancadas, enquanto a equipa SportTv, liderada por Richie Ramsay terminou em 41º e último posto com 65 pancadas.

Público recorde

O Pro-Am registou ontem um novo recorde de espectadores, com mais de 3.400 pessoas, a maioria estrangeiras, a pagarem entrada para ver as estrelas do golfe europeu. Em 2012 registou-se um recorde absoluto com 40.177 espectadores nos cinco dias, e 3.012 pessoas só  no pro-am. O tempo quente e o facto de os hotéis da zona de Vilamoura estarem cheios de turistas perspectiva para esta semana um novo recorde de público no Portugal Masters.

Deixar um comentário