Stenson mantém-se na rota do recorde

Henrik Stenson começa bem o DP World Tour Championship e continua na frente da classificação projectada da RaceToDubai. Será desta?

Joel Neto

“A época tem sido muito trabalhosa e acabei por deixar-me desconcentrar no último buraco. Foi pena, mas em todo o caso sinto-me em boa forma”, confessou ao fim da jornada de ontem Henrik Stenson, que chega ao segundo dia da final da RaceToDubai confortavelmente instalado no top5 do torneio, apesar dos três putts no buraco 18, para bogey. “Uma pessoa não pode ganhar um torneio numa quinta-feira, mas pode certamente perdê-lo. Eu teria aceite -4 se mos oferecessem de manhã, pelo que o melhor é aceitá-los também à tarde e preparar-me para o que falta jogar.”

O sueco propõe-se estabelecer um novo recorde: ganhar num mesmo ano a FedEx Cup e a RaceToDubai. O campeonato americano já o tem no bolso, incluindo os dez milhões de dólares de prémio final. Falta o europeu – e, para já, está tudo a correr bem, mesmo se alguns dos adversários mais directos, como Justin Rose e Ian Poulter, também demonstraram ontem boa condição, com (respectivamente) -3 e -2 de resultado ao final do dia. “Estou um pouco chateado porque falhei alguns putts. Mas encontro-me apenas a três pancadas da frente, o que não é mau”, disse Poulter

Na liderança está, para já, o espanhol Alejandro Cañizares, seguido do tailandês Kiradech Aphibarnrat e do australiano Marcus Fraser. Este último será o companheiro do líder na última formação em campo ao longo do dia de hoje. Cañizares chegou ao Dubai apenas algumas horas antes do início da sua ronda, depois de se ter esquecido de que, como cidadã checa, a namorada precisava de visto para entrar no emirado. Acabou por ser a própria organização do torneio a desbloquear a situação.

Milhares de dólares para beneficência 

Cada birdie (50 dólares) e cada eagle (100 dólares) feitos pelos jogadores em campo nos Jumeirah Golf Estates ao longo deste fim-de-semana rendem dinheiro para caridade, e ao longo da jornada de ontem foram já recolhidos os primeiros 8.400 dólares. A iniciativa é do grupo empresarial SNF,  com o apoio da Tour Players Foundation, o braço do European Tour para a caridade. Ao todo, ocorreram 156 birdies e dois eagles. Lesley Khan, Annabel Sauvignan e Natasha Fichardt, da Associação das Esposas do European Tour, apadrinham o desafio, chamado Birdie Pledge.

Deixar um comentário